O REI DO FUTSAL SE DESPEDE AS QUADRAS

Elson Pinheiro Profissional há 10 meses
Falcão revelou que já fazem quatro meses que ele não treinava.....

 

Após um dos jogos mais inusitados da carreira, nesta quinta (6), Falcão encerrou sua brilhante carreira de 20 anos. O melhor jogador de futsal do mundo revelou que o dia foi “uma sensação de tristeza com alegria”, de saber que realmente era o último dia e de olhar para sua carreira e ver tudo o que ele conquistou na carreira. Falcão revelou que já fazem quatro meses que ele não treinava para as partidas, apenas tomando injeção e jogando, devido a algumas dores. 

-“A gente vê a geração do Robinho, a geração do Neymar todos eles sempre falam de mim, que sou uma inspiração e é isso que pra mim conta muito, nos evento mundo afora tenho o respeito de todas as pessoas e isso pra mim é meu maior troféu.”, analisou Falcão que acabou vendo seu time sair com o vice-campeonato paulista após vencer a partida no tempo normal e empatar na prorrogação. Lembrando que dentro de toda sua carreira não houve uma lesão grave que necessitasse de cirurgia, Falcão se diz privilegiado e que tem apenas o que agradecer na sua carreira.

O craque ainda relembrou sua passagem pelo São Paulo, jogando futebol de campo, e sua volta ao futsal como algo positivo. “Quando eu fui, foi legal pra sentir. Fui campeão Paulista, campeão da Libertadores. Quando eu voltei, voltei com a consciência total.” avaliou. Bi-campeão mundial pela seleção brasileira, inúmeros títulos com os clubes que passou e 401 gols na carreira, Falcão é considerado pela FIFA o maior jogador de futsal de todos os tempos.

 

 

Notícias Relacionadas