BRASIL COMEÇA HOJE CIRCUITO SUL-AMERICANO ETAPA DO CHILE

Elson Pinheiro Voleibol há 2 anos

A etapa de Coquimbo terá 16 duplas em cada naipe, divididas em quatro grupos com quatro duplas. Os dois melhores de cada chave avançam à fase eliminatória. Por ser sede, o Chile podeO Brasil já tem o próximo desafio no Circuito Sul-Americano de vôlei de praia 2018 menos de uma semana depois de ser campeão da etapa da Argentina nos dois naipes. A parada agora será em Coquimbo, no Chile, de sexta-feira (16.02) a domingo (18.02). Quatro duplas representarão o país nesta etapa: Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) e Fernanda/Maria Clara (BA/RJ) no feminino, e Fernandão/Ramon (ES/RJ) e Nicolas/Gabriel Zuliani (PR) no masculino.

Após duas etapas realizadas, o Brasil lidera o ranking masculino com 380 pontos, e o feminino, com 400 pontos. No último domingo (11.02), na Argentina, Álvaro Filho/Saymon (PB/MS) e Tainá/Victoria (SE/MS) subiram ao lugar mais alto do pódio. Agora serão quatro duplas em busca de resultados positivos, uma delas que inclusive já conquistou uma medalha de ouro nesta temporada e espera repetir o feito em Coquimbo.

Ramon Gomes e Fernandão também participaram da etapa de Nova Viçosa, ficando com a medalha de prata. Já as outras duas duplas são estreantes e formadas por jovens, todos com menos de 18 anos, que terão a chance de adquirirem experiência e competitividade no torneio continental. Uma das atletas inclusive possui DNA do vôlei de praia, já que é irmã dos atletas Guto e Marcus Carvalhaes, e filha do ex-jogador e técnico Marcelo Carvalhaes, o ‘Big’.

rá ter mais que dois times por naipe. O Circuito Sul-Americano conta pontos para classificação aos Jogos Pan-Americanos de 2019, no Peru.

Ao todo são seis etapas do Circuito Sul-Americano para os dois naipes, e dois torneios ‘Finals’ contando apenas com um naipe cada. O calendário completo pode ser acessado no site oficial da Confederação Sul-Americana de Voleibol (CSV), em http://voleysur.org/v2/calendario/calendario.asp.

O ranking geral do Circuito Sul-Americano é feito apenas para os países, contando a pontuação da dupla mais bem colocada das nações em cada parada, mesmo que um país tenha mais de uma dupla no pódio. Os campeões de cada torneio somam 200 pontos, o vice, 180, o terceiro colocado, 160, reduzindo 20 pontos em cada posição seguinte.

CIRCUITO SUL-AMERICANO 2018

1ª etapa - Nova Viçosa (Brasil)
Feminino
Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) - ouro
Tainá/Victoria (SE/MS) - prata
Josi/Lili - bronze

Masculino
Fernandão/Ramon Gomes - prata

2ª etapa - Rosário (Argentina)
Feminino
Tainá/Victoria - ouro

Masculino
Álvaro Filho/Saymon - ouro

 

 

Notícias Relacionadas